fbpx

Você fica na dúvida se faz um novo curso ou se faz uma mentoria?

Pois bem, eu sempre tinha essa dúvida, e quando resolvi empreender isso aflorou mais ainda. Tudo porque eu ficava completamente perdida com tantos cursos e mentorias que encontrava na internet e parecia que nenhuma era o que realmente eu precisava.

Mas antes de continuar, vamos entender a diferença entre os dois. Vamos juntos?

A mentoria está muito alinhada com o foco no alcance de objetivos, pensando nos negócios para encontrar um caminho que seja mais promissor, pensando no crescimento pessoal e profissional de uma pessoa.

A conexão entre o mentorado e o mentor são conversas estratégicas para refletir no plano de carreira. Por isso, a mentoria pode ser uma aliada cheia de experiência de alguém que já passou pelo caminho que você deseja seguir e compartilha seu conhecimento, erros e aprendizados.

Já os cursos, seja online ou presencial, têm um conhecimento mais amplo, são vários módulos dentro do tema principal, para exemplificar e ensinar passo a passo de cada item. Para muitas pessoas, eles são primordiais para tirar as ideias do papel, para aprender uma nova ferramenta, para pensar sobre estratégia do negócio como um todo e assim por diante.

Na minha visão, depende muito da fase em que você está com o seu negócio. Eu comecei fazendo cursos e percebi que agreguei muito em aprendizado, mas eu sentia falta de tirar dúvidas direto com uma pessoa que entendesse onde eu estava e aonde eu queria chegar.

Com isso, as mentorias foram primordiais e me mostraram outra visão do meu negócio. É como se você tivesse uma consultoria do seu negócio e um plano de melhorias a ser desenvolvido passo a passo. Além de ter alguém ao seu lado te ajudando e te fazendo perguntas, muito bem posicionadas, para que você encontre as respostas dentro de você mesmo.

Acho tudo isso fascinante,  e tudo porque tive nesses últimos nove meses, cinco mentoras competentes e maravilhosas, cada uma na sua área de negócio, que me mostraram alguns caminhos que eu poderia escolher e trilhar.

Isso me fez enxergar que eu também quero ser mentora, na minha área de conhecimento, mas quero ensinar as pessoas a desenvolverem a própria escrita criativa, a usarem ferramentas que fazem sentido com os seus negócios, a pensarem no conteúdo de forma estratégica e ao mesmo tempo fazer conexão com quem está do outro lado.

Você gostaria de aprender isso em um curso e depois fazer uma consultoria comigo, para achar a melhor forma de entregar conteúdo dentro do seu negócio?